segunda-feira, 10 de dezembro de 2018

Adeptos do fio terra, maridos evangélicos sofrem com rejeição de suas esposas


Dedo no ânus e gritaria! Todo mundo já deve ter escutado esse chulo bordão mundano, mas o que pouca gente sabe é que essa frase faz parte do cotidiano de muitas famílias tradicionais evangélicas, devido ao hábito do fio terra, adquirido por alguns maridos, que deixa as mulheres horrorizadas, causando contendas e rejeição familiar. 

Fio terra consiste no ato de introduzir o dedo no ânus em troca de "prazer", os mundanos consideram uma prática natural e muito comum, já que isso, segundo os mundanos, não define a sexualidade da pessoa, mas no meio gospel a coisa é um pouco mais complicada. O sexo anal descrito na Bíblia é um ato exclusivamente homossexual, ou seja, dentro do meio gospel qualquer introdução anal consiste em sodomia, o que é um pecado extremo. 

Dizem que "vale tudo" na hora da brincadeira sexual entre casais, mas quem conhece realmente a Palavra, sabe que a coisa não é bem assim. Se o marido pede a introdução de um dedo, logo estará pedindo a introdução de objetos e legumes, o que pode deixar a esposa muito constrangida e como ela tem que ser submissa e obedecer o marido, esse desejo não poderá ser negado. 

Pedir divórcio também não é opção para uma mulher temente a Deus, por isso muitas evangélicas fingem desmaio e dor de cabeça para não praticar o sexo reprodutivo e não ter que introduzir seus dedos nos ânus dos maridos adeptos dessa prática. Existem inclusives grupos de ajuda para esses casos, onde as mulheres fazem terapia de plástico bolha para conseguirem lidar com essa situação sem ferir a Palavra do Senhor. 

Para os homens existem os cultos de cura homossexual, pois esse caso configura homossexualidade, apesar dos mundanos dizerem ser algo normal. Para as mulheres eu sugiro que, sem perder a submissão, evitem de servir alimentos com formato fálico na alimentação do varão e que tentem levar seus maridos em cultos de cura homossexual (meio que sem querer, sabe?), ou mesmo combinar com o Pastor de sua congregação para que ele faça um descarrego de fio terra disfarçadamente, o importante é salvar a vida do seu varão, e claro, o seu casamento! 


DEDO FOI FEITO PARA APONTAR E NÃO INTRODUZIR! 

VIGIA, VARÃO!




14 comentários:

  1. Estou toda arrepiada da cabeça à vagina, Fio terra é uma prática demoniaca que sempre combati e combato! Não confio em rapazes que gostam de dedos introduzidos no ânus é um pulo para o desejo de se despreguarem com Pênis! Na minha igreja dou treinamento intensivo para as moças de meu ministério, uma das dicas que dou é apreparação de comidas da culinária mexicana e baiana para o jantar, aconselho as moças a deixarem o dedo sujo com pimenta malagueta e quando solicitadas,enfiarem o dedo sem pena! Os rapazes jamais pedirão novamente! Evitando assim a recorrência de homossexualismo nos rapazes já curáramos garantindo a vitória de Jesus.

    ResponderExcluir
  2. Já passei muita coisa nessa vida, as vezes acho que e castigo devido a todas as cachorragens que cometi... uns anos atrás conheci o irmão Varão de Deus, crente aqui do blog, iniciamos o cortejo, todo mundo acompanhou, mas notei que ele ainda sofria com o encosto da homossexualidade... certa vez me convidou pra ir no chic restaurante do habbibs para comer kibe, notei que ele guardou dois kibes grandes no volso, desconfiei logo e depois constatei que ele havia inserido ambos no ânus. Quando marcavamos de comer salada os pepinos e cenouras sumiam misteriosamente e nunca sobrava linguiça na feijoada! Desconfiada, rompi o relacionamento e hoje, apesar da minha vagina viver suplicando a chegada de um varão, mantenho meu estado de solteira em Cristo, sei que na hora certa serei abençoada com um bom e ungido homem de Deus.

    ResponderExcluir
  3. Eu sempre adorei um dedo no ânus, os rapazes da igreja sempre fizeram isso cmg durante os cultos. Certa vez me superei chupando o pênis do pastor enquanto ele pregava, me escondi atrás do púlpito e mandei ver na mamada. Foi lindo!

    ResponderExcluir
  4. Tô de volta rachas! Todo mundo sabe que agora sou travesti e tô aqui pra escandalizar com o povo de Deus. Dedo no cu e gritaria é tudo de bom, quem n provou tem de provar urgentemente!

    ResponderExcluir
  5. Quero muito é rola, nada de dedo no cu!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Calma, ermã!! Primeiro, vai o dedo. Depois, entra o Thalles Roberto. Ô Hamanaia!

      Excluir
  6. Tomem muito cuidado com essa pratica, eu era cidadão do bem e seguidor fiel a palavra. Um dia escutei alguem falando dedo no cu e gritaria e resolvi cutucar la atras para ver como é. Pouco tempo depois já não vivia mais sem fio terra. A coisa foi evoluindo ate que resolvi experimentar alimentos falicos e hoje não dispenso uma rola. Soltei a franga e agora não consigo mais voltar para o caminho da palavra. Não façam isso, não experimente fio terra, isso vicia mais que cocaína. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Irmão, em nome de Jesus, tome vergonha na cara, procure uma congregação, jejue e ore a deus pedindo misericórdia por sua pederastia. Jesus é faceiro, não tem medo dele colocar hemorróidas no seu ânus?

      Excluir
    2. Ungido, comecei assim tb e hoje sou travesti.

      Excluir
  7. Fio terra é uma delícia!
    Quando minha namorada Stephany cutuca meu botão rosa eu chego até a ver Jesus.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Moranga do nordeste15 de dezembro de 2018 22:19

      Vc e ela vai pro inferno, sodomita desgraçado.

      Excluir